Mesa sobre os 10 anos do PT no governo federal lota sede do PSTU/AL

“Esta noite é dedicada aos trabalhadores de Bangladesh que morreram por culpa da ganância dos patrões”. Foi assim que começou, na última sexta-feira (10), a mesa "10 anos do governo PT: para quem brilhou essa estrela?", que o PSTU/AL realizou.


Mais de 50 pessoas estiveram presentes e ouviram as falas de Lucas Scaldaferri, membro do Instituto Latino-Americano de Estudos Socioeconômicos (ILAESE) e de Paulo Bob, presidente estadual do PSTU/AL. Ambos falaram sobre como o Partido dos Trabalhadores (PT) se apresentou nesses 10 anos frente ao governo federal. Temas como o grande número de privatizações, leilão do petróleo e política para os patrões marcaram a noite.

“Não há que se ter ilusão no PT. Eles governaram com o que há de pior na política do Brasil. Eles não governaram para os trabalhadores”, afirmou Lucas Scaldaferri.

O governo Lula (2003-2010) prometeu o fim da miséria, valorização da saúde e investimentos em educação. A sucessora de Lula, Dilma (atual presidenta do Brasil), transferiu exatamente R$ 18.322.513.363,00 (18 bilhões) para as famílias em condição de pobreza ou extrema pobreza, através do Bolsa Família. Esse número pode parecer surpreendente, mas corresponde a apenas 2,4% dos 753 bilhões que foram transferidos diretamente para o sistema financeiro (bancos e especuladores) através do pagamento das dívidas externa e interna. Dados como estes nos mostram para quem, verdadeiramente, brilhou a estrela do PT.

É preciso mostrar e deixar claro que o governo de Lula e Dilma não esteve e não está a serviço dos trabalhadores. O que estes governos fizeram pelo povo não chega perto do que eles fizeram pelos patrões.

E esta situação é gritante em Alagoas e isto ficou claro nas intervenções da noite. Falas que deixaram claro que o PT do nosso estado se alia aos “usineiros do bem”, como Renan Calheiros, para passar aos trabalhadores a terrível ideia de que a solução para a miséria virá destes que são os principais causadores da miséria alagoana.

A solução para os tantos problemas que a classe trabalhadora passa é uma nova sociedade. Uma sociedade que não seja controlada pelos patões. “Não devemos esquecer que surge e se fortalece um movimento de reorganização. Nós, do PSTU, não temos medo de nadar contra a maré. Nós lutaremos sempre por uma sociedade dos trabalhadores”, finalizou Paulo Bob.

Ao final da noite, Paulo Bob, presidente estadual do PSTU/AL, fez a entrega das carteirinhas de filiação aos novos filiados do PSTU/AL.

Confira as fotos do evento!!  
 
 





 


















 

Nenhum comentário:

Postar um comentário